Uma manhã no grand marché

feira Aix en Provence

A Provence é linda, mas nem só de paisagem se vive (thanks god). E esse canto de França não é tão especial à toa. Uma coisa que você vai fazer por lá o tempo todo, mais do que tirar mil fotos, é comer. É a hora de descobrir quantas variedades e sabores de azeitonas diferentes podem existir. E de queijos. E de aspargos, de recheios de baguetes, de geléias. E pães de campanha. Também de aprender de uma vez (pra quem não cozinha) qual é a cara de cada ervinha aromática agrupada na expressão herbes de Provence

E nem é preciso se sentar em mesas estreladas Michelin. Eu diria que pra conhecer e comer todas essas delícias, e ao mesmo tempo estar no epicentro da vida social dessas pequenas vilas, nada como ir ao grand marché. Que nada mais é do que a feira livre, que pode ter também um quê de mercado de pulgas. Quase todos acontecem de manhã, até o meio-dia, meio-dia e meia.

azeitonas

Sábado, por exemplo, é o dia para estar em Apt. Esse mercado toma as ruas do centro da cidadezinha desde 1504! Como tantos outros na região, ele é onde os moradores vão pra comprar trufas negras, encontrar os conhecidos, fazer fofoca, olhar o movimento. Quase 200 barracas colorem o entorno da Place de La Bouquerie, vendendo de frutas cristalizadas a cerâmicas, roupas e livros. Vale ir também para experimentar o modo de vida local, flagrar um francês carregando a baguete sem embalagem nenhuma debaixo do braço. hehe

Ainda no Luberon, domingo é dia de mercado em L’Isle-sur-la-Sorgue, outro imperdível, mais voltado para antiguidades, mas igualmente colorido, espalhado pelas margens e pequenas pontes nos canais do rio Sorgue.

Também dá pra fazer assim: a cada cidadezinha que você chegar, pergunte quando é o grand marché. E não perca. Se curte se programar, dê um pulo nesse site aqui, onde há um calendário com todos os tipos de feiras livres pra ir, na Provence, em cada dia da semana. Tá em francês, mas é facinho de entender.

temperos

E não perca, se for a Avignon, o mercadão central Les Halles, esse em um lindo galpão fechado, com uma fachada forrada de plantas. Fica aberto todas as manhãs, das 7h às 13h, menos na segunda-feira. Se eu tivesse um mercado desses perto de casa, eu vivia de piquenique, todo santo dia. Dos produtos dali são todas as fotos desse post (menos a da feira ao ar livre, que é de Aix-en Provence).

fregueza

Tags: , ,

4 Respostas to “Uma manhã no grand marché”

  1. Na Provence com a Claudia Carmello | Viaje na Viagem Says:

    […] Uma manhã no grand marché […]

  2. Gabi Says:

    Nossa, lembranças maravilhosas e… deliciosas!!!!

    Parabéns pelo blog!

  3. martina Knoll Says:

    PARABÉNS PELO BLOG CLÁUDIA! MARAVILHOSO MESMO!
    ele transmite tudo o que penso sobre viagem! sem pressa!!!!uma bênção divina!!!!!

  4. Regina Garcez Says:

    As fotos me encantaram assim como a descrição da região.Tenho desejo de conhecer essa parte da França , mas ainda não encontrei uma agência de viagens especilizada. Gostaria de uma orientação.
    Grata
    Regina

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: