Les-Baux-de-Provence é de conto de fadas

ruinas castelo
{As ruínas do castelo de Les-Baux. Foto de divulgação}

Escolha o seu conto de fadas predileto. Qualquer um, desde que tenha castelo no meio. Agora saiba que você pode visitar o cenário dele: Les-Baux-de-Provence (diga “le bô”). Pertinho de St. Remy (dá pra fazer as duas num dia, sem sustos), é um maciço rochoso de paredes muito íngremes, de 900 metros de altura, que parece ter caído de pára-quedas, sozinho, no meio de uma planície verde. Lá no alto ele tem um platô, adornado por um castelo, como a cereja de um bolo.  Isso é Les-Baux. Quando você chegar lá em cima, de carro ou táxi, verá que suas vielas também são de fábula – qualquer Cinderela, Bela Adormecida, Sete Anões, Príncipe ou Sapo de coroa poderia cruzar a rua na sua frente bem faceiro que você nem estranharia.🙂

village les baux

Pois a história real de Les-Baux, aos olhos modernos, também é quase inverossímil. Nessas vielas moravam os duques mais poderosos do sul da França, no século 11. Guerreiros, do alto desse rochedo eles dominavam quase uma centena de cidades e vilas ao redor. Hoje, visitando as ruínas do castelo ainda dá pra ver as catapultas, as armaduras dos cavaleiros, os canhões de guerra.

catapulta les baux2

Os nobres acabaram sendo derrotados de vez no século 15, mas não sem deixar para a posteridade episódios pitorescos como o de tiranos que obrigavam seus prisioneiros a pular das janelas do castelo, ou de belas donzelas desafortunadas, como Jeanne d’Anjou, a condessa da Provence que foi rainha de Nápoles, que ficou três vezes viúva e ainda foi assassinada pelo primo.

cova les baux

A atmosfera feérica, meio absurda, ainda perdura no “cenário”que é Les-Baux. Porque atrás de quase todas as portinhas e janelinhas que você vir, só haverá lojinhas, restaurantes e pousadas para turistas. Muito pouca coisa é real: menos de 500 pessoas realmente moram ali em cima.

PS: Momento viagem-também-é-cultura: foi nessa cidadezinha que o mineral com o nome mais esquisito do mundo foi descoberto, em 1822 – Bauxita. Entendeu agora?

Tags: , ,

8 Respostas to “Les-Baux-de-Provence é de conto de fadas”

  1. Malu Says:

    Claudia, que aula de História!!!! Estou cada dia mais apaixonada pela Provence. Já encomendei na Amazon o meu Guia Verde Michelin Provence.
    Tem mais posts sobre a Provence? Vou aguardar😆

  2. Claudia Chow Says:

    Claudia, vc diria q Provence é a Toscana Francesa? Só conheço a Itália, nunca estive na França, por isso a pergunta.

  3. Claudia Carmello Says:

    Diria que sim, Claudia. Não que a Itália não tenha outras regiões rurais lindíssimas, asism como a França (mas daí, na França, já não conheço muito além). Mas Provence e Toscana têm um tipo de beleza, de modo de vida, irressitíveis pra um turista, sabe? Diria que as duas são de fácil digestão para o viajante, muito “eloquentes” em suas qualidades.

  4. Jackie barbosa Says:

    Ola Claudia, amei o blog! Era tudo que eu estava procurando a tempos… Somos 3irmas de vinte e poucos anos e vamos viajar por +- 20 dias em agosto. Temos algumas duvidas, se puder nos ajudar sera incrivel. Pensamos o seguinte: depois de 2 dias em Barcelona alugamos um carro e vamos ate Provence passamos uma noite e um dia la e vamos para Cannes e ficamos 3 dias (somos solteiras e queremos festa🙂. De nice pegamos um aviao para roma ficamos 1 dia la e vamos para napoles (1dia) e Capri (1dia ou 2) qual a melhor forma de ir de roma ate napoles ou Capri?
    E agora vem a grande duvida: queremos 3 ou 4 dias em Split na Croacia, voce tem alguma sugestao para esse trajeto? E se tiver alguma outra sugestao para esse roteiro eu agradeco muitissimo!
    Obrigada pelo blog maravilhoso!
    Um grande abraco, Jackie.

  5. Marília G Rodrigues Says:

    Claudia,

    Estive na Provence em meados dos anos 90, e agora me preparo para voltar em setembro próximo, com marido e filhote. Seu blog é um verdadeiro sonho! Além de escrever de forma magnífica, você dá dicas preciosas e escolhe fotos de matar. Não conheci Les-Baux, mas desta vez já tinha programado levar meu filho de 7 anos fanático por Nárnia para dar tiros de catapulta. Esse seu post me animou, já me vejo andando pelas ruazinhas da vila.
    Tirando o Les Halles de Avignon, há mais algum mercado do tipo, em prédio histórico, em alguma outra cidade da Provence?
    Decidi há muitos anos que é na Provence que vou envelhecer. Nem sei sua idade, Cláudia, mas será muito bem vinda quando quiser me visitar. Vou morar em Arles daqui uns 25 anos rsrsrs. Grande abraço. Marília

  6. persabrasileironaprovence Says:

    Oi Claudia, Les-Baux é uma das minha cidades preferidas, sempre que posso vou visita-la principalmente durante as Medievales (de abril a setembro). Caso queira me fazer uma visita o endereço é http://www.naprovence.com
    Um abraço!

  7. Bruna Says:

    Agora estou viajando por provence e conhecendo aos poucos….sim posso dizer que a toscana está para Itália assim como provence para Italia!!

  8. Bruna Says:

    Opa… Provence pra França 😂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: